segunda-feira, 30 de maio de 2011

Ferias em Dubrovnik!

 

Acho que vou querer um dia voltar na Croácia…

Adorei o que vi e nem foi muita coisa. Estivemos em Dubrovnik, mas o tempo era um pouco limitado e o que fizemos foi dar uma volta com o operador turístico visitando alguns lugares onde os nossos hospedes vão durante os tours.

Saímos direto do navio em direção ao interior para visitar duas propriedades. São lugares de paisagem linda! Muitas flores (Spanish Brum), ciprestes, oliveiras, figueiras, cerejeiras… todo tipo de vegetação típica do mediterrâneo, muito embora esta área esteja já na costa do Adriático.

DSC00001

 DSC00038 DSC00013

Fizemos uma parada numa dessas propriedades pra nos deliciar com o melhor presunto que já comi na vida! Com todo o respeito as minhas amigas Ana, espanhola e Giada, italiana, eu tive, alias, nos tivemos que concordar que aquele era o melhor presunto de nossas vidas!!!!! Que coisa maravilhosa. Ate propusemos que ficássemos ali sentadas o dia inteiro só comendo presunto, queijo e pão, com um vinho branco e estaria tudo bem. Na próxima vez, nos iriamos visitar os outros lugares que estavam previstos. Well, não pudemos faze-lo mas certamente o supermercado foi uma das paradas pra gente poder comprar uns presuntos pras nossas festas de cabine aqui no navio.

Depois fomos a Cavtat, uma área de resort que tem praia. Maravilhoso! Agora já sabemos onde ir quando em Dubrovnik. Tem ali um mercadinho onde já estamos planejando comprar as guloseimas pro nosso picnic na praia!!

DSC00058 DSC00059

Uma passadinha rápida na Old Town Dubrovnik que é cercada por uma muralha e me pareceu bastante interessante dar uma caminhada pelas ruazinhas cheias de lojinhas, restaurantes, sorveterias… Além disso, tem um passeio sobre as muralhas da cidade que deve ser muito divertido.

DSC00075

São essas coisas que fazem valer a pena esse trabalho no navio. Definitivamente não troco meu posto de Explorations! nem que a vaca tussa!!! :D

Mais um pais na minha coleção!

 

Já posso acrescentar mais um pais na minha lista: San Marino!

Muito bonitinho o pequeno pais no meio da Itália. Mais uma cidade medieval, cheia de ruas estreitas, cercada por uma muralha, prédios antigos, muito limpa, troca de guarda em frente ao Palácio do Governo…

DSC09882 DSC09892

A guia era ruim, então fugi do grupo e fui explorar por minha conta. Acabei encontrando Yulia, minha amiga russa do navio e batemos pernas juntas.

DSC09876 DSC09910

Lembrei do Ayrton Senna e ate comprei uma blusa pra mim, com sua estampa e autografo…

DSC09930

Argentina, Chile, Uruguai, Paraguai, México, USA, Canada, EAU, Oman, Índia, Itália, Inglaterra, Suíça, Franca, Espanha, Portugal, Áustria, Bélgica, Turquia, Grécia, Luxemburgo, Cidade do Vaticano, Principado de Mônaco, Republica de San Marino!!!

La Sereníssima!

DSC00335 DSC00337

Da próxima vez prometo que vou tirar umas fotos da chegada do navio em Veneza… É uma coisa do outro mundo ver a Praça São Marcos a poucos metros de distancia enquanto o navio vai adentrando a laguna passando em frente da entrada do Grande Canal…

Estava sem bateria mas tive tempo pra carrega-lá e passear nos dois dias que estivemos nessa cidade que é simplesmente maravilhosa. No primeiro dia sai com Roberto e Ricardo. No segundo, com meus queridos Freddy, Shawn e Alberto!

DSC00291 DSC00272

  E falei com a mãe no telefone enquanto passeava pela Praça San Marco com o Freddy, meu paisano.DSC09813

DSC00299DSC09817 DSC00305

Éfeso e Virgem Maria

 

Ha 13 anos estivemos na Turquia, mas só dessa vez pude acender uma vela e rezar pra toda minha família e amigos na casa da Virgem Maria, em Éfeso!

DSC00014

Fiquei emocionada, ainda que a visita seja bem rapidinha, uma fila passando pelos 3 pequenos cômodos da casa de tijolos vermelhos no meio da mata. Fotos só no exterior. Lembrei do Sr. Sirsio e da D. Isaura…

  DSC00024DSC00028

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Tagarelice

 

Vou aproveitando ai esse tempo com a henna no cabelo pra colocar o papo em dia.

Nos fizemos 2 cruzeiros pra Índia, alguns de vocês já sabem. Talvez não saibam é que essa foi a primeira vez que o Brilliance vem a Índia e isso fez a maior diferença. Muitas novidades pra muita gente, excluindo a centena de indianos que temos a bordo. Esse é um navio filipino e indiano.

Muito interessante tudo que vi, mas devo confessar que a Índia lembra muito o Brasil em muitos aspectos.

Quando sai em Cochin, nosso primeiro porto, fiquei surpresa com algumas similaridades. Primeiramente aquelas ruas e avenidas de asfalto hiper liso, sem nenhum buraco e as cidades sem nenhumzinho pedaço de papel no chão pra contar historia, já eram!!!! Aqui me sentir em casa!DSC09192

Ana, minha amiga espanhola, logo fez o comentário: Nossa,a que diferença de Dubai onde tudo e cinza. Aqui tem verde!!! Em Goa, especialmente, me senti como se estivesse em qualquer lugarzinho no Nordeste do Brasil, com muitas praias cheias de palmeiras, casinhas muito simples na margem da estrada, algumas abandonadas, velhas, caindo aos pedaços. Pessoas muito simples na rua, gente tão magra!!! Desnutridas, talvez?! Crianças que nitidamente usavam roupas doadas porque se via bem que não pertenciam a elas aquelas calcas e blusas… DSC09515

Meu amigo russo, Sergey, disse que em Mumbai, chorou por dentro, por ver tanta pobreza, tanta  sujeira e mal cheiro…

É estranho e muito ruim que eu não tenha estranhado esse tipo de coisa porque é tão comum em nosso pais… A pobreza e a riqueza convivendo tão perto, mas ao mesmo tempo distanciando tanto as pessoas. Eu não me surpreendi com nenhuma das coisas que me contaram meus amigos. Gente dormindo nas calcadas, tomando banho no meio fio, transito caótico, mulher apanhando na rua do namorado, gente pedindo dinheiro nas ruas… com criança no colo batendo na janela da van… Ou te assediando nas ruas vendendo tudo quanto é tipo de coisa, ou pedindo dinheiro pra você porque você tirou uma foto do macaco que estava amarrado na coleira, passeando em plena Mumbai, ao lado do tão famoso Hotel Taj Mahal, que foi alvo de terrorismo anos atrás.DSC09712

Tudo convivendo junto…

Mas a Índia não é só esses aspectos que, acredito eu, não crie tanta surpresa na gente do Brasil… Ainda mais depois de ver Caminho das Índias… hahahaha

É um povo muito acolhedor, aparentemente feliz, trabalhador. Templos hindus muito bonitos, roupas coloridas, cheiro de curry por todo lado, ônibus abarrotado de gente. Ah, outras coisa, eles também soltam fogos de artificio no ano novo! Eles acabaram de comemorar o Ano Novo, Happy Vishu!!! Achei o máximo estar ali naquele dia de comemoração de mais um ano findo e um novo começando. Aquele frisson que deve ser igual em toda parte do mundo. Gente indo de um lado pro outro, voltando pra casa pra se arrumar pra festa a noite, as mulheres com os sáris ainda mais coloridos e cheios de brilho… Muito legal!!! Fiquei com o rosto colado na janela da van, observando tudo…DSC09617 DSC09620

Acho que esta na hora de tirar a henna do meu cabelo. Volto mais tarde!

Enquanto pinto o cabelo…

 

O crossing mal começou e eu já estou bastante enjoada de ficar tantos dias no mar sem ter muito o que fazer. Acho que nosso departamento e um dos que ficam mais ociosos durante um crossing. Claro que trabalhamos, mas nada comparado a um dia de porto ou embarkation day.

Nosso trabalho se resume basicamente a preparar tudo pra temporada européia e algumas horas no desk vendendo as excursões pros próximos portos. Desde que o cruzeiro esta as moscas e que Constatin chegou, nosso amigo romeno que veio transferido do Liberty, o novo manager o colocou no desk e nem essa distração temos. Hoje mesmo vi que tinha um casal com ele e mais três senhoras esperando na fila. Cheguei lá, perguntei se precisavam de ajuda e elas disseram que não sabiam o que queriam… :S Ok. Então acho que não precisam de mim aqui…

Voltei pro escritório pra ver o mais tinha pra fazer. De fato muitas coisas tem de ser feitas, mas muitas delas também já fizemos. Devíamos ter deixado mais coisas pro crossing, assim não ficaríamos tão enjoadas de fazer nada.

Voltei a ler o livro que comecei no Brasil: Lua Nova. Tive que começar de novo porque já nem lembrava quem era Bella! hahahaha Exageros a parte, já li 40% do livro e acho que logo terei que procurar outra coisa pra fazer além de ir na academia todos os dias, ou ficar deitada no deck 6 onde temos uma área só pros tripulantes, ouvindo musica e vendo as nuvens passar enquanto estamos como prisioneiros nesses dias de águas cheias de piratas. É verdade! Estamos passando por esse Golfo de Áden que e conhecido por ser um lugar onde as embarcações são alvo de piratas. Em pleno século XXI… Mas o capitão disse que se encontrarmos um deles, podemos dizer que ele mora no deck 9!! Esse capitão e divertido. No mínimo…

Acabei de pintar meu cabelo. Alias eu não, Giada, minha amiga italiana que trabalha comigo como shorex. Por pouco não coloco fogo na cabine porque a touca térmica que trouxe do Brasil não pareceu funcionar muito bem aqui uma vez que 2 segundos depois que a coloquei na tomada ela ficou super quente e um cheirinho de queimado começou a sair… Bem que comentei com ela que deveria ver primeiro onde era o extintor de incêndio mais próximo das nossas cabines… Bom, vou ficar aqui mais alguns minutos com esse trem no cabelo. Vou escrevendo enquanto isso…

Ah, essas sao fotos da nossa passagem pelo Canal de Suez!DSC09819

 

DSC09822

DSC09826 DSC09813